Quer saber qual o melhor sling para bebê? Continue lendo esse artigo e escolha entre 5 modelos.

 

No mundo da maternidade sempre existem novidades. Produtos novos, cheios de tecnologia e que prometem revolucionar a vida das mamães.

No entanto, muitas vezes são os acessórios mais simples que acabam ganhando o coração dos papais, principalmente quando se trata de algo que facilita de verdade o dia a dia com um bebê.

Amarrar um bebê junto ao corpo é uma técnica milenar, utilizada por muitos povos e culturas, mas que deixou de ser usada por muito tempo.

Recentemente esse recurso tem voltado com tudo. Começou pelas mamães mais moderninhas e agora já podemos ver diversas famílias sendo adeptas do sling para bebê.

O acessório permite que o bebê fique bem aconchegado junto ao cuidador, enquanto este pode ficar com as mãos livres para o que precisar.

Além disso, ao ser amarrado o sling permite que o bebê fique em diversas posições: deitado, sentado, de frente para o cuidador e ainda em suas costas.

O sling é um excelente aliado para facilitar as tarefas domésticas, para o momento da amamentação e para os passeios.

Quando optar por fazer uma saída rápida, o sling pode ser muito prático para levar o bebê e dispensar o carrinho.

Leia também: Qual o melhor carrinho de bebê.

Embora se trate de um produto simples, existe uma variedade de modelos de sling no mercado.

Para te ajudar a descobrir qual é o melhor sling para bebê, a seguir preparamos um guia com todos os pontos que precisam ser levados em conta antes de você escolher o seu.

O que é sling para bebê?

 

O sling é um carregador de tecido que serve para amarrar o bebê junto ao corpo do adulto, facilitando o transporte.

Ele pode ser usado a partir dos primeiros dias de vida, contanto que seja observada a posição ideal para não prejudicar o desenvolvimento do bebê.

Dessa maneira além de conforto o adulto tem a liberdade de ficar com as mão livres.

O bebê fica bem acomodado deitado ou sentado como se estivesse em uma cadeirinha, com as pernas flexionadas no joelho.

Uma importante observação a ser feita é que o bebê não pode ser carregado com o peso sobrecarregando os quadris.

Essa posição força as articulações e pode comprometer o desenvolvimento dos pequenos.

O sling pode ser um aliado de papais e mamães em diversos momentos, seja em casa, nas saídas e até em um passeio mais longo.

Existem diversos modelos de sling no mercado, certamente um deles irá combinar mais com você e com seu estilo de vida.

A seguir confira algumas opções de slings para todos os gostos e  bolsos:

 

Wrap Sling Carregador De Bebê 100% Algodão

Confeccionado em algodão esse produto é indicado para carregar confortavelmente bebês desde o nascimento até os 22 quilos.

O contato entre o bebê e o cuidador promove calma e aconchego aos pequenos.

Garanta a praticidade de ter as mãos livres enquanto carrega seu filho.

O peso do bebê fica distribuído por igual pelo corpo do adulto enquanto a criança fica acomodada de uma forma adequada.

 

Veja o preço atualizado:

 

                                 

 

Sling de Argola Best Sling Liso Com Bolso

O sling da Best Sling oferece estilo e praticidade para o dia a dia dos papais, garantindo segurança e conforto para bebê e adulto.

Pode ser usado em bebês recém-nascidos até 20 quilos por ser confeccionado em sarja confere maciez e resistência, além de não escorregar entre as argolas.

 

Veja o preço atualizado:

                

Quais as vantagens de usar sling?

 

O sling está se tornando cada dia mais um queridinho das mamães e não é a toa, o acessório tem muitas vantagens:

 

  • Praticidade: Os papais que aderem ao sling podem experimentar uma rotina bem mais prática ao ter as mãos livres para fazer o que for necessário.

 

  • Conforto: O bebê pode ficar juntinho do papai ou da mamãe em uma posição confortável.

 

  • Segurança: O sling é uma opção segura para carregar seu bebê desde os primeiros dias de vida.

 

  • Design: Além de diversas cores e estampas disponíveis, o sling ainda é fácil de ser carregado em passeios e viagens.

 

 

Quais são os diferentes tipos de sling?

 

Pouch Sling

 

O modelo mais simples de sling é famoso por ser descomplicado e fácil de usar.

Feito de tecido maleável, o pouch sling precisa de certa atenção ao ser adquirido, pois deve ter dimensões adequadas ao tamanho do adulto.

Esse modelo de sling permite diversas posições do bebê de acordo com o tamanho e necessidade.

Por deixar o bebê aconchegado e bem pertinho da mãe, ele é um excelente produto para ser usado em recém-nascidos, pois podem se sentir como dentro do útero.

O sling fica apoiado em um ombro só e ajuda papais e mamães a carregarem seus bebês com facilidade.

Justamente por não distribuir o peso esse modelo de sling não é ideal para ser usado por longos períodos.

 

Sling de argolas

  

Modelo feito de tecido com duas argolas pra ajustar o tamanho, esse modelo proporciona conforto e segurança para mamães e bebês.

Assim como o pouch sling o modelo de argolas apoia o peso da criança em um dos ombros do adulto, por isso também não deve ser usado por longos períodos.

 

Wrap Sling

 

O modelo de sling distribui o peso para os dois ombros do adulto através de um tecido enrolado ao corpo dele, por isso se chama wrap.

Por distribuir bem o peso e ser um pouco demorado para ser vestido, esse modelo é ideal para ser usado por períodos mais longos.

O bebê fica sentadinho de frente para o adulto, como se estivesse em uma cadeirinha, com os joelhos flexionados.

Desse modo o bebê fica confortável e seguro, pois não sobrecarrega os quadris e sim distribui o peso pelas coxas.

A cabeça da criança deve ficar na altura do pescoço do adulto, sendo sustentada quando o bebê ainda é muito pequeno.

 

Mei Tai

 

Esse modelo de sling permite que o bebê fique sentadinho, assim como no modelo anterior, contudo ele possui um apoio melhor para o bebê.

O peso fica bem distribuído nos dois ombros do adulto e por isso é seguro também para quem carrega a criança.

Esse modelo é um pouco mais complexo para vestir, no entanto compensa pelo conforto que permite longos passeios.

 

Qual o melhor sling para bebê? Como escolher?

 

A escolha do sling ideal deve ser feita com muita calma, analisando todos os fatores que irão garantir o conforto e a segurança do bebê e dos papais.

Cada família tem seus hábitos e necessidades, por isso, não se deve fazer a escolha tendo como parâmetro o depoimento de uma conhecida ou parente.

A seguir você poderá conferir algumas características principais dos slings que podem te ajudar a tomar a decisão certa.

 

Cores e estampas

 

Tratando-se de um item que promete praticidade até mesmo as cores devem ser escolhidas pensando nisso.

Cores mais claras ficarão sujas com mais facilidade, enquanto os mais escuros poderão ser lavados com menor frequência.

Além disso, optar por cores que sejam neutras podem ajudar a combinar o item com o restante do seu enxoval.

 

Material

 

Como o sling fica diretamente em contato com a pele do bebê e dos pais, é essencial que seja feito por um tecido confortável.

O ideal é que seja de algodão, pois o tecido é respirável e evita a transpiração excessiva do bebê e do adulto.

Os slings feitos de fibra naturais como a sarja e o jacquard são mais adequados para crianças maiores, por suportarem mais peso.

Já os slings com uma porcentagem de elastano ou de licra são mais adequados para os primeiros meses do bebê, pois podem ceder com o peso.

 

Peso suportado

 

Como avaliado no item anterior, o peso suportado é algo que não pode ser deixado de lado.

De acordo com o tamanho e peso da criança o tipo de tecido pode ser mais o menos adequado.

Isso acontece porque os tecidos podem ceder com o tempo e deixarem o bebê em uma posição que pode não ser segura para as costas e articulações.

 

Conforto

 

É essencial que o sling proporcione conforto para os papais e para os bebês no dia a dia e durante os passeios.

Por ser um produto que será usado por períodos longos é de extrema importância que você se certifique que ele é confortável.

Além disso é indispensável observar a postura do seu filho enquanto ele estiver no sling.

Certifique-se de que ele não está com nenhum membro apertado demais que possa ter a circulação prejudicada e que a coluna não esteja sobrecarregada.

Modelos que permitem mais de uma posição podem proporcionar maior conforto para a criança.

O conforto do adulto também deve ser levado em conta, para isso é importante analisar a distribuição de peso e o tempo de uso.

 

Mei Tai Evolutivo Tornado – Deborah slings

O sling Mei Tai é inspirado nos carregadores asiáticos, simples e prático carrega seu bebê com segurança e conforto.

Ele permite carregar o bebê em três posições diferentes: de frente para os pais, na lateral do corpo e ainda nas costas.

 

Veja o preço atualizado:

                   

Wrap Sling Cinza Mescla – Sling Mamãe E Bebê

O sling mamãe e bebê é sinônimo de praticidade para os papaisgarantindo o aconchego do bebê desde o nascimento até os 22 quilos.

Feito em tecido antialérgico e respirável ele possui costura dupla e acompanha um manual com o passo a passo de como usar.

 

Veja o preço atualizado:

                   

Wrap Sling 3 Posições – Kababy

O sling para bebê KaBaby é prático e fácil de usar, ele distribui uniformemente o peso da criança no corpo da mãe. Suporta de 3,5kg até 12kg.

É regulável em três posições é ideal para amamentação com privacidade e ajuda a manter o pequeno confortavelmente e com a postura correta.

O tecido é de algodão macio e proporciona maior aconchego para o bebê.

 

Veja o preço atualizado:

                   

Como usar sling para bebê?

 

Passe o a ponta do sling por dentro das duas argolas. Em seguida, passe novamente a ponta do sling apenas pela argola de baixo. Para ajustar ou soltar, levante a argola de baixo e puxe novamente o tecido. Vista-o com argolas na altura dos ombros diagonalmente ao seu corpo. Com a faixa que sobra para a frente, ajuste-o trazendo o fundo da bolsa que o best sling forma para a altura acima da cintura.

Qual o melhor sling para bebê?

 

Tanto em lojas físicas como online você poderá encontrar uma infinidade de opções de slings.

Os preços podem variar muito, sendo que nem sempre os mais caros são os melhores.

O que você precisa é de um modelo que atenda às suas necessidades e nem sempre ele será o mais complexo.

Avalie as opções e os diferenciais para definir o melhor custo-benefício para você.

 

Sling x canguru

 

Quando você precisa decidir por um produto que te ajude a carregar o bebê no dia a dia, além do Sling existe o canguru.

Esse produto tem uma função semelhante a do sling, entretanto eles são feitos por materiais bem distintos e também possuem formas diferentes de usar.

Enquanto o sling consiste em um tecido que amarra o bebê junto ao corpo do adulto, o canguru funciona de maneira semelhante a uma mochila,

A principal diferença é que o sling é algo que pode ser usado de diversas formas enquanto o canguru tem um formato estático, no qual são feitas poucas alterações.

O canguru é um produto mais adequado para pais que não querem ter o trabalho de pensar em uma amarração e buscam algo mais estático.

O Sling, por sua vez, proporciona uma grande variação de uso e é ideal para mamães e papais que gostam de usar a criatividade.

Se você quer conhecer mais sobre o canguru e avaliar se ele é o produto ideal para você, acompanhe nosso guia de qual é o melhor canguru para bebê.

 

Sling para bebê: como fazer?

 

Se você é uma mãe prendada e que sabe costurar você pode fazer seu próprio sling para bebê.

Não precisa de muito material:

  • tecido de algodão para marcar o centro do sling (45cm 60cm)
  • tecido de malha penteada 5 metros por 6cm
  • Máquina de costura
  • Alfinetes de costura

 

Quer saber o passo a passo? É só clicar aqui.

 

Gostou do artigo?

Deixa um comentário e nos segue no Instagram.

E bem-vinda ao mundo da maternidade.